Para registrar

“Para mim, atualmente, companheirismo e lealdade são meio sinônimos de felicidade. Meus amigos são muito fortes e muito profundos, são amigos de fé, para quem eu posso telefonar às cinco da manhã e dizer: olha, estou querendo me matar, o que eu faço? Eles me dão liberdade para isso, não tenho relações rápidas, quer dizer, tenho porque todo mundo tem, mas procuro sempre aprofundar. E isso é felicidade, você poder contar com os outros, se sentir cuidado, protegido. Dei esse exemplo meio barra pesada de me matar… Esquece, posso ligar para ver o nascer do sol no Ibirapuera às cinco da manhã. Já fiz isso, inclusive.”

Caio Fernando Abreu

20130414-193229.jpg

Anúncios

Xáneu Nº 5 – O Teatro Mágico @ Itáu Cultural, São Paulo

“Enquanto pessoas perguntam por que, outras pessoas perguntam por que não? Até porque não acredito no que é dito, no que é visto. Acesso é poder e o poder é a informação. Qualquer palavra satisfaz. A garota, o rapaz e a paz quem traz, tanto faz. O valor é temporário, o amor imaginário e a festa é um perjúrio. Um minuto de silêncio é um minuto reservado de murmúrio, de anestesia. O sistema é nervoso e te acalma com a programação do dia, com a narrativa. A vida ingrata de quem acha que é notícia, de quem acha que é momento, na tua tela querem ensinar a fazer comida uma nação que não tem ovo na panela que não tem gesto, quem tem medo assimila toda forma de expressão como protesto.”

São Valentim, Paperman e corações cibernéticos contagiantes

Quem viu uma porção de corações espalhados pela internet hoje? Você quer saber o porquê disso? Hoje, em Portugal e muitos outros países, é celebrado o dia de São Valentim. Um bispo que foi contra as ordens do imperador romano Cláudio II de abolir o casamento e acabou sendo mandado para a forca.

Então, é quase impossível não se contagiar com todo esse romantismo excessivo espalhado pelas redes sociais. Por esse motivo eu vou fazer a minha parte no meio dessa fofura toda e compartilhar um dos melhores curtas que eu já vi e que combina totalmente com a vibe de hoje.

Paperman, foi lançado em 2 de Novembro de 2012 pela Disney e concorre ao Oscar de Melhor Curta-metragem de Animação. Apesar de seus 6 minutos e 35 segundos de duração carrega uma grande mensagem. George, o protagonista, tenta se conectar com a sua suposta alma-gêmea através de aviões de papel e é nessa descoberta do amor que ele percebe que a vida pode ir muito além do cinza que a cidade grande nos oferece.